fbpx

Relacionamento entre Franqueado e Franqueador

Sabe-se que no mundo do Franchising, o sistema é caracterizado, principalmente, entre interesses comuns do franqueador com os possíveis franqueados interessados.

A partir da assinatura do contrato, os direitos de uso da marca são atribuídos em uma relação de ganha-ganha, no qual ambas partes saem ganhando, através dos lucros obtidos pelos franqueados e dos royalties distribuídos pelos franqueados aos franqueadores.

Um bom relacionamento com harmonia e parceria são primordiais para o sucesso do negócio. Além disso, estar alinhado compartilhando a mesma visão e objetivo motiva tanto o franqueador quanto o franqueado. Afinal, quando uma equipe trabalha em conjunto, a instituição se mantém forte, havendo um comprometimento mútuo.

Uma regra básica no mundo do franchising é a dependência que ambas partes têm. O franqueador necessita do investimento do franqueado para que a rede exista, e o franqueado necessita do suporte do franqueador para fazer o negócio andar.

Na relação em que todos saem ganhando, é importante, desde o início, que o franqueado pesquise e saiba de todas as taxas a serem custeadas, assim como a margem de lucro trabalhada. As expectativas precisam estar alinhadas para que não haja nenhum mal-entendido.

Em todo processo de assinatura de uma franquia, o franqueador analisa o perfil e o histórico do possível franqueado para certificar que o mesmo está em sinergia com a marca. Neste encontro, a sinceridade nas respostas é o que definirá o futuro do negócio, tanto por parte do franqueador, ao demonstrar os números e resultados, quanto ao franqueado com seus objetivos em querer abrir uma franquia da marca. Caso contrário, o desalinhamento poderá implicar em falsas expectativas e promessas. A transparência é o primeiro passo para a construção de uma relação forte e duradoura.

Como em qualquer relação, a confiança é construída com o tempo, principalmente ao se tratar do mercado de Franchising que requer uma confiança inicial para a assinatura do negócio. Na maioria das vezes, o franqueado não tem nenhuma relação com o franqueador, ele acredita no projeto e nas projeções que lhe é apresentado.

Após a confiança passada pelo franqueado ao assinar o contrato, é a vez do franqueador iniciar o trabalho. A fase do treinamento, suporte e todo know-how é a melhor maneira de estreitar a relação, já que o processo de transição molda a postura do operador, principalmente se o próprio franqueador participar da dinâmica.

Ao optar em abrir uma franquia, subentende-se que o empreendedor não tem o perfil de correr riscos e prefere um projeto concreto que já foi testado e aprovado. Todo o sistema desenvolvido pela rede de franquia, no processo de formatação, permite que o mesmo seja replicado em diferentes locais, por diferentes pessoas.

A chave de sucesso para qualquer franquia, é seguir os processos adotados, de maneira a manter o padrão na experiência de compra, atendimento, identidade visual, serviços, qualidade e mix de produtos. Para que isso ocorra, todos os franqueados serão supervisionados certificando-se que o modelo definido está sendo mantido.

Por se tratar de um contrato a longo prazo, é comum que surjam diferentes percepções e opiniões durante a vigência do contrato. Saber escutar e absorver as críticas, é fundamental para o crescimento da marca e fortalecimento da relação. O franqueador precisa estar aberto às sugestões e saber se, as mesmas, beneficiam o negócio, sem colocar em risco a essência da marca. Em contraponto, é importante que o franqueado tenha consciência de que a mudança deve ser tomada em benefício de toda rede de franquia e não apenas em benefício dele, exclusivamente.

Pode parecer clichê, mas a comunicação é a chave do sucesso para qualquer negócio. O aperfeiçoamento é fundamental para se atingir o excito. Os pensamentos, ideias e expectativas precisam estar alinhados e claros entre as partes envolvidas para que não haja nenhuma frustração.

Por fim, o relacionamento entre franqueador e franqueado é algo delicado, porém essencial para o triunfo do negócio. Não se esqueça que no mundo do franchising, o sucesso do franqueado é o sucesso do franqueador, e vice-versa.

Faça valer apena e seja mais um ganhador.

 

Equipe GSPP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *